EM_LOGO_transpare.png
Etnomatematicas transparente.png
White on Transparent.png
VEm.png
 

Felippe Allan Osires Santos Lopes

Experiências e Reflexões: o VEm Humanistas 2020


Se a recomendação é “fique em casa”, o que falar para as pessoas que “moram nas ruas”? Nestes tempos de Pandemia, ficam mais evidentes que as desigualdades ainda prevalecem em muitos lugares neste mundo (D’AMBROSIO, 2020). Mais do que nunca, é preciso compreender as diferenças! Mais do que nunca, é preciso compreender as realidades em seus próprios contextos! Cada vez mais, o mundo precisa de solidariedade. De sua solidariedade!

Tive o privilégio de ter vivenciado e bebido destas inspirações, de onde se constroem e reconstroem os conhecimentos, sempre em cooperação. Isto me acordou e ampliou os meus olhares mais ainda sobre a Matemática, a Educação e a Vida (SANTOS, 2020). Sem dúvidas, o VEm Humanistas reforçou mais ainda a importância de sermos humanistas, de sermos etnomatemáticos, para uma reorientação da vida.

A interação e discussão entre os participantes foram itinerantes a todo instante, deixando sempre um gostinho de quero mais... De tantas reflexões, considero especial e significativo participar do VEm Humanistas 2020. Este foi e sempre será um marco histórico na minha vida e de muitos que também tiveram esta oportunidade. É inevitável o quão seja encantador estes momentos gloriosos. Olha aí, o VEm Humanistas valorizando as culturas e enraizando-as. Esta é uma honra!

D’AMBROSIO, U. VEm Humanistas - Visão historiográfica da Etnomatemática como empreendimento humanista. 2020. (1h31m53s). Disponível em:< https://www.youtube.com/watch?v=91htbTp4he4>. Acesso em: 26 out. 2020.

SANTOS, E. C. TICAS das MATEMAS de várias ETNOS: Caminhos para decolonialidade do currículo escolar. 2020. (49m50s). Disponível em: < https://www.youtube.com/watch?v=W53dl2HwdPk&t=2424s>. Acesso em: 9 nov. 2020.